TOPOLOGIA

  • Coordenação: Ana Tereza Groisman, Angélica Bastos, Doris Diogo e Marcia Zucchi.
  • Periodicidade e horário: quinzenalmente, sextas-feiras de 10:30 às 12:00 h.
  • Início: sexta-feira 11 de março

Parcerias sinthomáticas e seus enodamentos

Da temática do amor nos nós passaremos às parcerias que o falante estabelece no gozo, no amor e no desejo. Com base na experiência da análise, visamos investigar a ausência ou presença de parceria sinthomática (um quarto elo no enodamento), bem como a variedade de suas apresentações. Casos clínicos, relatos de caso e de passe, além de textos psicanalíticos, permitirão verificar os parceiros de que cada sujeito dispõe, a começar pela transferência. Nas parcerias – sinthomáticas ou não, borromeanas ou não – buscamos situar, de acordo com o caso, o singular, a exceção, o todo, o não-todo fálico e o não-todo sexual que as acompanham.

X